PT:

O imaginário popular português ganha expressão na Festa dos Tabuleiros, em Tomar. Uma das maiores e mais antigas celebrações do país. Acontece de quatro em quatro anos e, nela, participam milhares de habitantes de todas as freguesias do concelho. Em 2019, o cortejo contou com 748 tabuleiros e cerca de 1500 pessoas num desfile que encheu de cor a 'Cidade Templária'. São as mulheres quem carrega à cabeça os tabuleiros com pães e espigas de trigo, enquanto os homens as acompanham. Todos trajados a rigor. Se se juntar o peso de um cesto e outras ornamentações, cada rapariga leva perto de 17 quilos à cabeça. Depois de ser já Património Nacional, este cortejo - um dos mais visitados em Portugal - integra agora a corrida para integrar o Património Mundial da Humanidade da UNESCO.

EN:

The popular Portuguese imagination takes on expression at the Festa dos Tabuleiros, in Tomar. One of the largest and oldest celebrations in the country. It happens every four years and thousands of inhabitants from all the parishes in the municipality participate in it. In 2019, the procession had 748 boards and about 1500 people in a parade that filled the 'Templar City' with color. It is women who carry trays of bread and ears of wheat on their heads, while men accompany them. All dressed up. If you add the weight of a basket and other ornaments, each girl carries around 17 kilos on her head. After becoming a National Heritage Site, this procession - one of the most visited in Portugal - is now part of the race to integrate UNESCO's World Heritage Site.